Homem confessa estupro de estudante e se entrega à polícia em Alfenas, MG

27.11.2019

Suspeito, de 25 anos, já cumpriu pena por roubo e furto e segundo a Polícia saiu do presídio dia 21.

O homem suspeito de estuprar uma jovem de 19 anos em Alfenas (MG) se entregou na manhã desta terça-feira (26) na delegacia da cidade. Segundo a polícia, o suspeito, de 25 anos, já cumpriu pena por roubo e furto e saiu do Presídio de Alfenas no último dia 21. Ao se entregar, o suspeito confessou o crime.

"Todos os elementos de prova corroboraram pra gente conseguir chegar a essa apuração tão rápida, não só a testemunha, como as imagens que nós obtivemos, a vítima que prontamente compareceu na unidade policial e prestou as declarações, então todo o conjunto probatório nos auxiliou a elucidar os fatos", disse a delegada Renata Resende.

Segundo a polícia, o crime aconteceu por volta de 6h de domingo (24), quando a vítima voltava de uma padaria e passava perto de um terreno baldio, na Avenida Benjamin Constant. O suspeito estava armado com um objeto parecido com uma tesoura.

Segundo a Polícia Civil, depois de tomar o celular da vítima, o suspeito teria levado a estudante de 19 anos para atrás de um bambuzal, onde aconteceu o estupro.

"O crime tomou uma repercussão muito grande nas redes sociais e também as nossas investigações já tinham evoluído bastante, ele também já havia tomado conhecimento que nós já havíamos identificado e é um crime que traz uma repercussão e ele está com medo da integridade física dele, pois as pessoas com esse tipo de crime têm um sentimento de revolta muito grande e nesse sentido ele se apresentou para preservar a integridade física dele", disse a delegada.

A estudante foi socorrida e levada para o Hospital Alzira Velano, onde exames confirmaram as agressões sexuais. Imagens de câmeras de segurança ajudaram a polícia a identificar o suspeito. Conforme a Polícia Militar, todos os crimes dele foram cometidos contra mulheres.

"Ele tem preferência por vítimas mulheres, talvez por imaginar que a vítima vai oferecer menos resistência, seja mais frágil, ele escolhia essas vítimas, tal como foi nesse último crime, que evoluiu de um crime patrimonial para um crime sexual", disse o tenente da Polícia Militar, Josdag Pedreira Oliveira.

A vítima do crime já teve alta do hospital.

Foto: Reprodução EPTV


Foto: Reprodução EPTV

Compartilhar

Fonte - Reprodução G1 Sul de Minas Autor -

Solicitar Musica

UF

MG

  • AC

  • AL

  • AP

  • AM

  • BA

  • CE

  • DF

  • ES

  • GO

  • MA

  • MT

  • MS

  • MG

  • PA

  • PB

  • PR

  • PE

  • PI

  • RJ

  • RN

  • RS

  • RO

  • RR

  • SC

  • SP

  • SE

  • TO